Produção de Aladdin sofre atraso por não encontrar intérprete principal

Produção de Aladdin sofre atraso por não encontrar intérprete principal

 

A produção da nova fábula com atores da Disney está atrasada, e segundo a revista The Hollywood Reporter a culpa seria da dificuldade em encontrar o protagonista ideal. A publicação apurou que a Disney, o cineasta Guy Ritchie (“Rei Arthur: A Lenda da Espada”( e os diretores de elenco não conseguiram entrar em acordo para definir o intérprete de “Aladdin”.

Na lista de exigências para o papel, o ator precisa ter 20 e poucos anos, saber atuar e cantar bem, além de ser ou ter descendência do Oriente Médio ou da Índia.

De acordo com a ficha de testes originais, as filmagens deveriam começar neste mês de julho, mas as audições realizadas em Londres nas últimas semanas teriam frustrado as expectativas, sem definições claras. “Os testes foram uma bagunça”, descreveu o agente de um ator que participou dos testes ao THR.

Cerca de 2 mil atores e atrizes foram ouvidos para os papéis de Aladdin e Jasmine. Além de Londres, as audições também aconteceram no Egito, Abu Dhabi e Índia. Vários foram chamados para repetir seus testes e isso só teria servido para mostrar que nenhuma opção agrada inteiramente.

Para acabar com o impasse, a Disney convocou veteranos de seus musicais, como Marc Platt, que acabou de trabalhar nas filmagens de “A Volta de Mary Poppins”, e Chris Montan, produtor de diversas animações originais do estúdio, como “Pocahontas” (1995), “Hercules” (1997) e “Frozen” (2013).

Os produtores já demonstraram interesse em contar com Dev Patel (“Lion”), que tem 27 anos, e em Riz Ahmed (“Rogue One: Uma História Star Wars”), de 34 anos, no papel de Aladdin, mas é provável que o escolhido seja um novato. Entre os nomes citados nos testes estão os do holandês Achraf Koutet (minissérie “Land Van Lubbers”), o canadense Mena Massoud (da vindoura série “Jack Ryan”) e o americano George Kosturos (“Prisioneiras Nunca Mais”).

Já Jasmine pode ser interpretada por Naomi Scott (“Power Rangers”) ou a indiana Tara Sutaria (série “Oye Jassie”), mas a atriz só será definida após a escolha do intérprete de Aladdin. A ideia é criar uma “química” perfeita para o par romântico.

O único ator confirmado até o momento é Will Smith, que fará o papel do gênio da lâmpada. De acordo com o THR, a produção também estaria atrás de um astro famoso para viver o vilão Jafar.

Ainda sem data de lançamento oficial, o novo “Aladdin” faz parte da leva de refilmagens live action do catálogo de animações da Disney, um filão lucrativo que já rendeu sucessos como “Alice no País das Maravilhas” (2010), “Malévola” (2014), “Cinderella” (2015), “Mogli, o Menino Lobo” (2016) e “A Bela e a Fera” (2017).

Comente

Pedro Prado é cinéfilo, fã de séries e quadrinhos, fotógrafo amador e bom amigo da vizinhança.