Grandiosidade de A Grande Muralha deve dar prejuízo de US$ 75 milhões

Grandiosidade de A Grande Muralha deve dar prejuízo de US$ 75 milhões

 

“A Grande Muralha” estreou em 1º lugar nas bilheterias brasileiras no fim de semana passado e foi um grande sucesso na China. Mas o mercado americano ainda representa a medida mais importante para se avaliar o desempenho de um filme, e a produção não teve uma boa performance doméstica. Por conta disso, o site The Hollywood Reporter apurou que a produção deve gerar um prejuízo de US$ 75 milhões para seus produtores.

O site afirma que quatro estúdios, Universal Pictures, Legendary, China Film Group e Le Vision Pictures, dividiram as despesas de produção, estimada em US$ 150 milhões. Porém, a Universal também arcou com os custos de marketing, em torno de US$ 80 milhões, e por isso ficará com maior fatia do prejuízo.

Ao todo, o filme dirigido por Zhang Yimou e estrelado por Matt Damon somou US$ 302 milhões em todo o mundo, dos quais US$ 170 milhões vieram da China e apenas US$ 36 milhões dos EUA. O filme ainda está em cartaz, mas não há expectativa de que possa reverter o prejuízo.

Comente

Pedro Prado é cinéfilo, fã de séries e quadrinhos, fotógrafo amador e bom amigo da vizinhança.