Clipe em que Snoop Dogg atira em versão palhaça de Trump dá início à polêmica

Clipe em que Snoop Dogg atira em versão palhaça de Trump dá início à polêmica

 

O novo clipe do rapper Snoop Dogg causou comoção nos EUA. O vídeo da música “Lavender” descreve o país como uma nação de palhaços, mostra a brutalidade de uma polícia palhaça, exibe notícias apresentadas por palhaços e inclui um presidente palhaço na Casa Branca. O palhaço maior lembra Donald Trump, que, ao final, é baleado com uma arma de palhaço (aquelas que atiram bandeirolas com a palavra “bang”) pelo rapper.

Trump ficou possesso e foi ao Twitter reclamar do vídeo dirigido pelo youtuber Jesse Wellens e James DeFina. Ele afirmou que se o artista tivesse feito isto com seu antecessor, Barack Obama, estaria na “prisão”. “Vocês podem imaginar qual seria o clamor se Snoop Dogg, com sua carreira fracassada e tudo, tivesse apontado e atirado contra o presidente Obama? Prisão!”, escreveu Trump no Twitter.

Esta não é a primeira vez em que o atual presidente vai ao Twitter reclamar de artistas. Anteriormente, Trump trocou farpas com a atriz Meryl Streep, a quem chamou de “superestimada”, e o ator Arnold Schwarzenegger, entre outros.

Vale observar que a música é da banda canadense BadBadNotGood e o vídeo é um remix, muito diferente da gravação original, com a participação especial de Snoop.

 

Comente

Pedro Prado é cinéfilo, fã de séries e quadrinhos, fotógrafo amador e bom amigo da vizinhança.