Atriz de Aquarius será filha de Magneto na série derivada dos filmes dos X-Men

 

A atriz Emma Dumont, das séries “Bunheads” e “Aquarius”, entrou na produção televisiva derivada dos filmes dos X-Men, em desenvolvimento na rede Fox, para viver uma super-heroína bastante conhecida dos quadrinhos.

Ela foi escalada no papel de Lorna Dane, que os leitores conhecem melhor como Polaris, uma mutante de cabelos verdes e filha de ninguém menos que Magneto. A descrição oficial da personagem inclusive aborda seus poderes, herdados do pai, descrevendo-a como “uma mutante corajosa, leal e teimosa, que tem a habilidade de manipular o magnetismo”.

Polaris foi criada nos quadrinhos em 1968, com traço do genial Jim Steranko, e pode, inclusive, já ter aparecido nos filmes, em cenas de flashback e fotos da infância de Mercúrio, vistas em “X-Men: Dias de um Futuro Esquecido” (2014) e “X-Men: Apocalipse” (2016).

A personagem é a segunda super-heroína estabelecida dos quadrinhos confirmada na produção da série. A primeira foi Blink, que será vivida por Jamie Chung (a Mulan de “Once Upon a Time” e Valerie Vale de “Gotham”). Já o outro mutante inicialmente escalado não parece ter referências nos gibis. Trata-se de Sam, líder nativo-americano de um grupo clandestino de resistência ao governo anti-mutante, vivido por Blair Redford (séries “The Lying Game” e “Satisfaction”).

A trama, porém, vai se centrar numa família em fuga. Stephen Moyer (série “True Blood”) e Amy Acker (série “Pessoa de Interesse/Person of Interest”) serão os pais de adolescentes que possuem o gene mutante. Eles precisam fugir quando o governo descobre as mutações dos jovens e encontram refúgio com o grupo de resistência. Natalie Alyn Lind (a Silver St. Cloud de “Gotham”) e Percy Hynes White (“Between”) interpretarão os filhos.

Desenvolvido por Matt Nix (criador de “Burn Notice”), o projeto terá seu piloto dirigido pelo cineasta Bryan Singer (da franquia “X-Men”). Mas este primeiro episódio ainda precisará ser aprovado pelos executivos da rede para o projeto virar série.

Caso tudo corra como previsto, a expectativa é que o programa estreie na próxima temporada de outono, entre setembro e novembro nos EUA.

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna