Astros de The Big Bang Theory aceitam receber menos para que coadjuvantes ganhem mais por episódio

Astros de The Big Bang Theory aceitam receber menos para que coadjuvantes ganhem mais por episódio

 

Os atores Jim Parsons, Johnny Galecki, Kaley Cuoco, Simon Helberg e Kunal Nayyar, que formam o elenco central de “The Big Bang Theory”, renegociaram seus salários para que a série continue a ser produzida. E com uma grande novidade em relação às negociações passadas.

Eles toparam receber menos, para que os salários de Melissa Rauch e Mayim Bialik sejam reajustados, de acordo com o site da revista americana Variety.

Atualmente, os cinco atores ganham cerca de US$ 1 milhão por episódio, o maior salário da TV americana, mas aceitaram diminuir em US$ 100 mil cada um. Assim, a diferença de US$ 500 mil por episódio será dividida entre Melissa e Mayim, que atualmente ganham US$ 200 mil por episódio para participar da série. Mesmo assim, o salário delas será “apenas” metade do que fatura o quinteto principal – US$ 450 mil por episódio.

A série está na 10ª temporada e a negociação dos salários do elenco era o maior entrave para a renovação. Até o momento, a rede CBS e a produtora Warner Bros não comentaram a situação.

Comente

Pedro Prado é cinéfilo, fã de séries e quadrinhos, fotógrafo amador e bom amigo da vizinhança.