Katy Perry vai parar num parque de diversões retro-futurista em clipe estiloso

Katy Perry vai parar num parque de diversões retro-futurista em clipe estiloso

 

Katy Perry lançou um segundo clipe de “Chained to the Rhythm”. Ao contrário do “lyric video” tedioso, sobre a vida de um hamster, a nova versão traz a cantora numa superprodução repleta de cores e estilo, passeando num parque de diversões retrô-futurista, que lembra “Tomorrowland” (2015) e o desenho animado dos “Jetsons” (1962–1963).

Todos os passeios remetem ao sonho americano e são experimentados com sorrisos por uma multidão de consumidores felizes, sem reparar na falta de segurança de cada um deles. Skip Marley, neto de Bob Marley, aparece no final para reforçar a mensagem, tão evidente quanto uma catástrofe anunciada.

A direção é de Matthew Cullen, responsável pelos melhores clipes da carreira da cantora – “California Gurls” e “Dark Horse”. Por sinal, Cullen fez recentemente seu primeiro filme: “London Fields”, uma produção de época estrelada por Amber Heard (“A Garota Dinamarquesa”), que acabou rendendo grande polêmica, inclusive um processo do próprio diretor contra os produtores.

Comente

Pedro Prado é cinéfilo, fã de séries e quadrinhos, fotógrafo amador e bom amigo da vizinhança.