Atriz de Arrow sugere participação na série dos Inumanos

Atriz de Arrow sugere participação na série dos Inumanos

 

A atriz Elysia Rotaru, que interpretou Taiana na 4ª temporada de “Arrow”, publicou em sua conta no twitter uma mensagem com links para a produção, o diretor e o canal da série “Inumanos”. “Isto vai ser grande”, ela tuitou, citando a rede ABC, Marvel, IMAX, o diretor Roel Rainé e o Twitter oficial dos “Inhumans” (título original da atração).

Rumores apontam que a atriz teria sido escalada para viver a protagonista Medusa, esposa do herói Raio Negro e rainha dos Inumanos.

A série “Agents of SHIELD”, também produzida pela ABC, apresentou os Inumanos em sua 2ª temporada, em episódios exibidos em 2015, mas a nova série não será um spin-off. Os dois primeiros episódios estrearão em cinemas do circuito IMAX, no dia 14 de setembro, com roteiro de Scott Buck, showrunner da série “Dexter” e que também desenvolveu a vindoura série do herói “Punho de Ferro” para a Netflix, e direção de Roel Rainé (“Corrida Mortal 2”). A estreia televisiva acontecerá logo em seguida.

Criados por Stan Lee e Jack Kirby numa história do Quarteto Fantástico de 1965, os Inumanos são os atuais descendentes de seres humanos modificados geneticamente por alienígenas da raça Kree há muitos séculos. Nos quadrinhos, os personagens principais são Raio Negro, Medusa, Gorgon, Karnak e Triton, membros da família real dos Inumanos, mas, ao longo das publicações, outros personagens também se destacaram, principalmente a princesa Crystal, responsável por vários crossovers, ao substituir a Mulher Invisível no Quarteto Fantástico e integrar os Vingadores.

A Marvel chegou a agendar um filme dos Inumanos para 2019, que Vin Diesel sugeriu que poderia estrelar, mas a produção foi retirada do cronograma de lançamentos do estúdio. Fontes ouvidas pelo site The Hollywood Reporter garantem que este projeto não teria relação com a série. Mas a atração da ABC deverá explorar, sim, os principais personagens dos quadrinhos dos Inumanos, o que explicaria o desinteresse do estúdio pelo filme.

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna