Brad Pitt é inocentado da acusação de abuso infantil

Brad Pitt é inocentado da acusação de abuso infantil

 

A novela do divórcio de Angelina Jolie e Brad Pitt ganhou um novo capítulo, com direito a reviravolta. O site TMZ apurou que o ator está livre das acusações de abuso infantil.

As conclusões da investigação do Departamento de Serviços da Criança e da Família (DCFS) inocentaram Brad. Segundo o site, elas incluíram entrevistas com a família, todas as crianças e testemunhas, e a conclusão foi de que não houve violência do ator contra o filho mais velho, Maddox, apenas uma discussão.

A investigação foi iniciada após denúncia de Angelina Jolie, que teria procurado a polícia contra o ex para proteger seus seis filhos. E estava sendo usada como principal argumento de seu divórcio, para requisitar guarda exclusiva das crianças.

A reviravolta dá vantagem a Brad Pitt na briga. Ele entrou na justiça com um pedido pela guarda compartilhada dos filhos.

Diante do novo cenário e questionada pelo TMZ, a equipe de Angelina emitiu uma nota afirmando que, mesmo inocentado, o comportamento do ator foi inconveniente, e acrescentando sua visão da decisão.

“Angelina sentiu, desde o início, que tinha de tomar medidas para manter a família a salvo e se sente aliviada que, após 8 semanas de envolvimento, o DCFS esteja satisfeito com as salvaguardas colocadas para permitir que as crianças se curem”.

O representante acrescenta que há um acordo legal em vigor, assinado por ambos os lados, que dá a Angelina a custódia física primária e a Brad apenas direitos de visitação monitorada. Ele só esquece de destacar que o acordo era provisório, previsto apenas para durara enquanto a investigação estivesse em curso.

A decisão final da guarda das crianças será feita por um juiz em data ainda não revelada.

 

Comente

Wilson Vianna é jornalista, fã de séries e filmes, mas se diverte mesmo com celebridades que se levam à sério.

Mais Pipoca