Pegadinha do Sílvio Santos apavora ao usar drone para criar bruxa voadora

Pegadinha do Sílvio Santos apavora ao usar drone para criar bruxa voadora

 

As pegadinhas de terror do “Programa Sílvio Santos” estão cada vez mais sofisticadas. O susto do último domingo (18/9) chegou a incluir um drone. Ivo Holanda pilotou o aparelho, caracterizado como bruxa para sobrevoar e aterrorizar incautos. Diante da aparição voadora, não teve quem não saísse correndo em desespero, na certeza que “las hay, las hay”.

Gravada à noite, em algumas regiões de São Paulo, o objetivo oficial da nova Câmera Escondida, segundo a emissora, foi homenagear a atriz Ruth Romcy (1927-2007), protagonista da pegadinha clássica da “Noiva Voadora”, exibida na década de 1990, que apavorou pessoas no ponto de ônibus de um cemitério. Vai ver que foi só coincidência ter ido ao ar no fim de semana da estreia do terror “Bruxa de Blair” nos cinemas…

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna