Amber Heard acusa Johnny Depp de agressão e juiz proíbe ator de voltar para casa

Amber Heard acusa Johnny Depp de agressão e juiz proíbe ator de voltar para casa

 

A história da súbita e inesperada separação entre a atriz Amber Heard e o ator Johnny Depp começa a ficar mais clara. Após entrar com o pedido de divórcio, Amber convenceu o juiz de que foi vítima de violência doméstica e conseguiu uma ordem de restrição contra o ator, que não poderá voltar para casa nem se aproximar dela. O juiz também deu a Amber o direito de viver na casa do casal.

Uma imagem divulgada pela atriz nesta sexta-feira (27/5) mostra um ferimento abaixo do seu olho direito (veja acima). Ela também garante ter um vídeo que comprova o comportamento agressivo do marido. “Não foi um evento isolado”, disse uma fonte à revista People.

Segundo apuraram os sites e revistas de celebridades, a fúria de Depp e não sua constante ausência (para filmagens e shows) é que teria precipitado a separação. A gota d’água foi um discussão na noite de sábado (21/5), um dia após a morte da mãe do ator. Durante a briga, o ator teria quebrado vários objetos no apartamento onde o casal mora. Amber explicou ao TMZ que estava no celular conversando com uma amiga, quando Depp tirou o aparelho de sua mão e jogou contra seu rosto. Ela gritou a sua amiga que chamasse a polícia.

A polícia chegou realmente a ser acionada, mas Depp já havia deixado a residência quando as autoridades chegaram ao local. Segundo Heard, Depp chegou a lhe oferecer dinheiro para que ela não falasse nada. Mas ela preferiu entrar com o pedido de divórcio na segunda-feira pela manhã, onde alegou como causa “diferenças irreconciliáveis”.

Depp, de 52 anos, e Heard, de 30, se conheceram durante a filmagem de “Diário de um Jornalista Bêbado” (2011) e ficaram noivos em 2014, apesar de vários rumores sobre problemas em sua relação.

Na quinta, Depp falou, por meio de seu assessor, pela primeira vez sobre a separação. “Dada a rapidez desse casamento e a recente perda de sua mãe, Johnny não vai responder nada sobre fofocas e histórias falsas sobre sua vida pessoal. Esperamos que o término desse casamento seja resolvido logo”, afirmou o representante do ator.

Mas a situação deve ficar ainda mais feia nos “próximos capítulos”, com lembranças das bebedeiras recentes de Depp para comprovar um padrão de comportamento, e as lembranças do passado da atriz, que até ficar com Depp tinha relações com mulheres e chegou a dar entrevistas se dizendo bissexual.

Wilson Vianna é jornalista, fã de séries e filmes, mas se diverte mesmo com celebridades que se levam à sério.

Mais Pipoca