Série Colony é renovada para sua 2ª temporada

Série Colony é renovada para sua 2ª temporada

 

A série sci-fi “Colony” foi renovada para sua 2ª temporada pelo canal pago americano USA Network. A decisão veio logo após a exibição do terceiro episódio da atração estreante.

Segundo o site Variety, a série apresentou crescimento consistente de audiência em sua pontuação demográfica, ao longo dos três episódios, subindo de 0,44 na estreia para 0,46 no terceiro capítulo. A audiência total gira em torno de 1,2 milhões de telespectadores.

A renovação também sinaliza que o processo de renovação do canal vai continuar. Até recentemente conhecido por séries de ação estreladas por espiões e policiais, o USA começou a mudar com “Mr. Robot”, considerada uma série de prestígio, que venceu vários prêmios e indica um novo caminho para o canal, oferecendo temas complexos para um público mais jovem.

Criada por Carlton Cuse (produtor das séries “Lost” e “Bates Motel”) e Ryan Condal (roteirista de “Hércules”), “Colony” apresenta uma nova ordem mundial, após a Terra ser invadida por uma raça alienígena, e acompanha o casal formado por Josh Holloway (também de “Lost”) e Sarah Wayne Callies (série “The Walking Dead”), que vive um dilema, quando ele se vê forçado a virar colaborador e delatar as ações da resistência humana, sem saber do envolvimento da esposa com os rebeldes.

A série teve seu piloto dirigido pelo cineasta argentino Juan José Campanella, vencedor do Oscar de Melhor Filme Estrangeiro por “O Segredo de Seus Olhos” (2009).

A 2ª temporada vai estrear em 2017 com 13 episódios, três a mais que o ciclo inaugural. “Colony” é exibida no Brasil pelo canal pago TNT.

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna