Prólogo de King Kong será maior produção de cinema filmada no Vietnã

Prólogo de King Kong será maior produção de cinema filmada no Vietnã

 

Quarenta anos após o fim da Guerra do Vietnã, Hollywood se prepara para filmar seu primeiro blockbuster nas terras do antigo inimigo. Depois de rodar cenas no Havaí, a produção de “Kong: Ilha da Caveira” começará a filmar nas selvas vietnamitas na segunda-feira (22/2).

Integrantes do Ministério de Cultura do Vietnã, que participa do projeto, revelaram que o trabalho irá durar cinco semanas. Segundo comunicado emitido pelo órgão, esta é a maior produção de cinema a chegar ao Vietnã em toda sua história.

Um detalhe interessante: “Kong: Ilha da Caveira” vai se passar nos anos 1970, época em que EUA e Vietnã do Norte travavam guerra pelo controle do país. Os vietcongs, como eram denominados os guerrilheiros do Norte, puseram o exército americano para correr em 1975, e em julho de 1976 unificaram o país sob regime comunista. Muita coisa mudou desde então. Já nos anos 1980, o governo vietnamita começou uma lenta guinada rumo ao capitalismo, que atingiu seu auge com a entrada do Vietnã na Organização Mundial do Comércio em 2007, resultando em taxas recordes de crescimento e um grande fortalecimento de sua economia.

Prólogo da história clássica de “King Kong”, a trama do filme acompanha uma equipe de exploradores, liderada pelo personagem de Tom Hiddleston (“Thor”), que se aventura numa ilha primitiva para encontrar seu irmão e também um soro mítico, enfrentando criaturas extraordinárias ao longo do caminho.

Além de Hiddleston, também estão no elenco Samuel L. Jackson (“Os Vingadores”), Brie Larson (“O Quarto de Jack”), Thomas Mann (“Dezesseis Luas”), John Goodman (“Argo”), Corey Hawkins (“Sem Escalas”), Tom Wilkinson (“Batman Begins”), John C. Reilly (“Guardiões da Galáxia”) e Toby Kebbell (“Quarteto Fantástico”).

O roteiro foi escrito por John Gatins (“O Voo”) e Max Borenstein (“Godzilla””), e revisado por Derek Connolly (“Jurassic World: O Mundo Dos Dinossauros”). A direção está a cargo de Jordan Vogt-Roberts (“The Kings of Summer”), que fará sua transição de cineasta indie para uma grande produção de Hollywood – deu certo para Colin Trevorrow e aquele outro filme com dinossauros.

A estreia está marcada para 10 de março de 2017.

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna