Legends of Tomorrow estreia com grande audiência

Legends of Tomorrow estreia com grande audiência

A estreia da série “Legends of Tomorrow” ajudou a rede americana CW a atingir sua maior audiência nas noites de quinta-feira dos últimos três anos. Ao todo, 3,1 milhões de telespectadores sintonizaram a nova atração baseada nos quadrinhos de super-heróis da DC Comics, apenas 500 mil a menos que o público habitual de “The Flash”, que é a atração mais popular do canal.

Além disso, 2 milhões permaneceram na CW para assistir a estreia da 3ª temporada de “The 100”, exibida logo a seguir, rendendo uma das maiores audiências já registradas pela série sci-fi – superior, inclusive, a de todos os episódios da temporada anterior.

A crítica, porém, ficou bem dividida em relação a “Legends of Tomorrow”. A falta de um herói central foi apontada como principal fator negativo, resultando numa dispersão muito grande entre nove personagens. Por outro lado, a química do elenco e uma premissa mais ousada que as demais séries de heróis da DC foram considerados aspectos positivos.

A série acompanha um grupo de heróis e anti-heróis, coadjuvantes de “Arrow” e “The Flash”, que são reunidos pelo viajante do tempo Rip Hunter (Arthur Darvill, da série “Doctor Who”) para impedir o fim do mundo, em aventuras que os levam a outras eras.

O grande elenco também inclui Brandon Routh (“Superman: O Retorno”) como o super-herói Eléktron, Victor Garber (“Argo”), como o Dr. Martin Stein (metade do super-herói Nuclear), Franz Drameh (série “River”) como Jax (a outra metade de Nuclear), Dominic Purcell (série “Prison Break”) como o vilão Onda Térmica, Wentworth Miller (também da série “Prison Break”), como Capitão Frio, Caity Lotz (“A Batalha do Ano”) como Canário Branco, Falk Hentschel (“O Ataque”) como Gavião Negro e Ciara Renée (série “Crime Stoppers Case Files”) como Mulher Gavião.

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna

1 Comment

  1. A série iniciou com um episódio onde contém uma batalha num tanto patética, 1 caçador de recompensas verso 8 “legend’s” mais patética impossível, total falta de sincronia entre atores e edição.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.