Fuller House: Teaser mostra como as meninas de Três É Demais cresceram desde os anos 1990

Fuller House: Teaser mostra como as meninas de Três É Demais cresceram desde os anos 1990

 

O serviço de streaming Netflix divulgou um novo teaser de “Fuller House”, série que vai continuar a história da clássica “Três é Demais” (Full House). A prévia mostra como as intérpretes das meninas D.J., Steph e Kimmy cresceram desde os anos 1990, mas não perderam a vontade de brincar nos bastidores.

A série de 1987 acompanhava um pai (Bob Saget) que tinha que criar as três filhas (vividas por Candace Cameron Bure, Jodie Sweetin e as gêmeas Mary-Kate e Ashley Olsen em um papel compartilhado) com a ajuda de dois solteirões (John Stamos e Dave Coulier). Fez tanto sucesso que durou oito temporadas no canal americano ABC e incontáveis reprises nas madrugadas da TV aberta brasileira.

Na continuação, uma das filhas originais, D.J. passará por uma situação similar à vivida por seu pai. Viúva recente, mãe de dois filhos – de 12 e 7 anos de idade – e grávida do terceiro, ela contará com contará com o apoio de sua família para dar conta do recado. A personagem voltará a ser vivida por Candace Cameron Bure, que tinha 10 anos de idade quando a série começou em 1987 e comemorou 18 ao final da atração, em 1995.

O elenco inclui ainda sua irmã roqueira Stephanie Tanner (Jodie Sweetin) e sua melhor amiga Kimmy (Andrea Barber), que agora também tem uma filha adolescente.

Além do trio de dançarinas do teaser, o trio original de protagonistas também está confirmado, em participações especiais. Saget repetirá o papel de seu pai, Danny Tanner, que continua amigo dos personagens de Dave Coulier e John Stamos. Além deles, Lori Loughlin voltará a interpretar a Tia Becky, esposa de Jesse (John Stamos). No final da série, ela deu luz a gêmeos, que devem ser referidos na trama. Apenas as gêmeas Olsen se recusaram a participar do projeto, afirmando que desistiram de atuar e hoje direcionam suas carreiras para o universo da moda – onde são muito bem-sucedidas, por sinal.

O revival tem produção do próprio John Stamos, que divide a responsabilidade com Jeff Franklin, criador da série clássica, e Robert L. Boyett, produtor original de “Três É Demais”. A estreia acontece no Netflix em 26 de fevereiro.

Comente

Wilson Vianna é jornalista, fã de séries e filmes, mas se diverte mesmo com celebridades que se levam à sério.