Bitten: Primeiro teaser da 3ª temporada anuncia mortes e o fim da série

Bitten: Primeiro teaser da 3ª temporada anuncia mortes e o fim da série

 

O canal pago canadense Space divulgou o primeiro teaser da 3ª temporada de “Bitten”, série de lobisomens estrelada por Laura Vandervoort (a Supergirl da série “Smallville”). Além de mostrar um monólogo da atriz e cenas em que ela aparece coberta de sangue, refletindo uma profecia na qual sua personagem causa a morte de toda sua alcateia, o vídeo também anuncia a temporada como sendo o final da série.

“Depois de galões de sangue derramados, centenas de camisas rasgatas e várias mortes, o Space confirma que seu programa original, ‘Bitten’, retorna para sua 3ª e última temporada a partir do dia 12 de fevereiro”, confirmou a emissora em um comunicado para a imprensa.

“Bitten” é baseada na saga literária “Otherworld”, de Kelley Armstrong, e acompanha Elena (Vandervoort), a lobisomem mais linda e sexy já vista na TV. Ela também é a única mulher a sobreviver à maldição que transforma pessoas em lobo, de acordo com a mitologia da trama. Dividida entre a fidelidade à sua alcateia e o desejo de formar uma família humana, ela vê seu mundo desabar quando lobisomens rebeldes iniciam um ataque a todos de quem gosta. Para complicar, na 2ª temporada ainda apareceram bruxas poderosas.

Desenvolvida por Daegan Fryklind (produtor de “The Listener”), a série chamou atenção ao apresentar um clima bastante sensual e sombrio, com cenas de nudez, violência extrema, mas também romantismo. O tom é bem mais maduro que “Teen Wolf”, mas não tanto quanto “True Blood”.

A temporada final terá 10 episódios, que concluirão a saga iniciada em 2014, com recorde de audiência no Space – foi a primeira atração do canal pago a atingir 1 milhão de telespectadores.

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna