Robert Rodriguez vai dirigir a adaptação do mangá Battle Angel Alita

Robert Rodriguez vai dirigir a adaptação do mangá Battle Angel Alita

 

Finalmente vai acontecer a esperada adaptação do mangá “Battle Angel Alita” (Gumm). O cineasta James Cameron passou o projeto para Robert Rodriguez (“Sin City”) , e ficará envolvido apenas na produção.

A ideia original era que “Battle Angel Alita” fosse filmado por Cameron logo após “Avatar” (2009), mas desde então o diretor se envolveu num interminárvel processo de desenvolvimento de novas sequências daquele filme. Assim, para não deixar o projeto morrer, ele o colocou nas mãos de Rodriguez.

“Há anos, Robert e eu procurávamos um filme para fazermos juntos, então fiquei empolgado quando ele disse que gostaria de fazer ‘Battle Angel Alita’”, disse Cameron em comunicado. “Este projeto é muito querido por mim, e não há ninguém em quem eu confie mais do que Robert, com seu estilo rebelde e sua virtuose técnica, para assumir a direção”.

Criada por Yukito Kishiro em 1990, a trama de “Battle Angel Alita” se passa no século 26 e acompanha uma cyborg com formas femininas resgatado de um lixão por um expert cibernético, que a adota como filha. Ao reviver a cyborg, ela descobre que, apesar de sua memória apresentar defeitos, ela tem conhecimento instintivo de artes marciais. Logo, a garota torna-se uma caçadora de recompensas biônica.

Além de produzir, Cameron escreveu uma primeira versão do roteiro. As filmagens serão financiadas pelo estúdio 20th Century Fox, mas ainda vão demorar muito para começarem. O início da produção está marcado apenas para 2017. O longa ainda não tem previsão de lançamento.

 

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna

Mais Pipoca