Novo Mary Poppins vai adaptar livros não filmados da babá mágica

Novo Mary Poppins vai adaptar livros não filmados da babá mágica

 

O novo filme da babá mágica “Mary Poppins” não será um remake do musical clássico de 1964. Quem garante é o diretor Rob Marshall (“Caminhos da Floresta”), responsável pelo longa, em entrevista ao site Vulture.

“P.L. Travers escreveu oito livros. No filme original, eles trabalharam com o primeiro e nós vamos trabalhar com os outros sete, mas sem mexer na essência icônica de Mary Poppins”, ele explicou, preferindo chamar a adaptação de “uma extensão” para nem usar a palavra sequência. “Sou um grande fã do original, um grande amigo de Julie Andrews e tenho grande admiração pelo filme. Existe todo esse material – que foi o ‘Harry Potter’ de seu tempo – e eles nunca se transformaram em algo além daquele longa”, explicou o cineasta.

O filme original venceu cinco Oscars, inclusive o de Melhor Atriz para Julie Andrews. E o diretor espera que ela possa participar, de alguma forma, na nova produção. “Ela é uma amiga muito querida e se ela puder se envolver de alguma forma será muito especial. Sei que ela está muito feliz que nós estamos fazendo o longa e, depois de 50 anos, parece que é a hora certa”.

A história das filmagens do clássico também foi recentemente transformada em filme, no drama “Walt nos Bastidores de Mary Poppins” (2013).

A nova trama deve se passar 20 anos após os acontecimentos da história filmada na década de 1960, mas não trará a babá envelhecida. Tanto que a atriz Emily Blunt é a favorita da Disney para interpretar a famosa personagem. Ela já trabalhou anteriormente com o diretor no musical “Caminhos da Floresta” (2014).

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna